DC – Autor Greg Rucka discute sexualidade da Mulher-Maravilha

0

O lançamento do selo DC Rebirth vem chacoalhando o status quo de diversos personagens, fazendo mudanças, geralmente para melhor, em boa parte deles. A mais recente está ligada à clássica personagem e um dos carros chefes da DC: Mulher-Maravilha.

Recentemente, em entrevista ao site Comicosity o autor Greg Rucka discutiu sobre a possível bissexualidade da personagem. Ao ser perguntado se a Mulher-Maravilha é queer (termo utilizado no inglês para designar pessoas que não seguem o padrão de heterossexualidade ) o autor responde que “sim”. O autor então explica:

Supõe-se que seja o paraíso. Você supõe que deve ser apto a viver feliz. Se você supõe ser apto – em um contexto onde um pode viver feliz, e parte das necessidades individuais para a felicidade é ter um parceiro – para ter um preenchimento, uma relação romântica ou sexual. E as únicas opções são mulheres.

Mas uma Amazona não olha para a outra e diz “você é gay”. Elas não fazem isso. Esse conceito não existe.

Agora, nós estamos dizendo que Diana esteve apaixonada e em relações com outras mulheres? Como Nicola e eu abordamos isto,  a respostas é obviamente sim.

O autor acredita que a percepção disto deve vir do leitor. Para Rucka, colocar o personagem para dizer abertamente “Eu sou gay” é escrever mal.

O personagem está começando algo que não é impactante para história. Eu não adiciono nada à minha narrativa em quase todos os casos.

Rucka ainda adiciona algumas questões relacionadas as percepções ocidentais de gênero:

Agora, isso abre uma questão separada. Para os propósitos de Themyscira, como a experiência das Amazonas, como nós representamos esta experiência, ninguém olha pra você e diz. “Você está muito machão.” Ninguém olha para Kasia e diz, “Você está muito feminina.” Ninguém diz que um vestido é inapropriado. Ninguém diz, “Porque você está usando calças?” Ninguém diz que você está muito pesada. Ninguém diz que você está muito magra, ou não está forte o bastante.

Atualmente a personagem participa da HQ da Liga da Justiça, Trindade e no próprio título que se encontra na sétima edição, com equipe criativa de Greg Rucka, Nicola Scott e Liam Sharp’s.

ww-cv4_ds

About Author

Leitor de quadrinhos (tudo que consigo consumir), jogador de MMO e professor de história, tentando fazer tudo uma coisa só pra facilitar a vida.

Deixe o seu comentário